logo preta
Pesquisar
Close this search box.

DIC de Tubarão prende indivíduo condenado a 32 anos de prisão por estupro de vulnerável 

A Polícia Civil de Santa Catarina, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal de Tubarão, deu cumprimento a mandado de prisão em desfavor de um indivíduo de 36 anos que foi condenado a 32 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável. O homem foi condenado por ter, em 2020, abusado sexual de sua enteada de 12 anos (à época dos fatos). O homem foi capturado no bairro Humaitá de Cima, conduzido à sede da DIC de Tubarão e, após os procedimentos de polícia judiciária, foi encaminhado ao Presídio Regional de Tubarão, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

A prisão contou com o importante apoio do Departamento de Polícia Penal de Santa Catarina.

Gostou da notícia então compartilhe:

Facebook
Twitter
Telegram
WhatsApp

Noticias relacionadas

Destaques

plugins premium WordPress